Buenos Aires: 3 passeios além do óbvio

A capital argentina é cheia de encantos, todo mundo sabe. Não é de hoje que o destino está entre os preferidos dos brasileiros. Seja pela proximidade, pela economia ou facilidade de comunicação, Buenos Aires é uma viagem com garantia de satisfação, independente do período de estadia.

Conhecida com a capital mais europeia da América do Sul, Buenos Aires ganha um charme a mais no inverno. O destino que já é elegante tem seu ar europeu reforçado durante a estação mais fria do ano. E se o cronograma permitir, uma esticada até Bariloche vale muito a pena! Se a viagem ficar só por Buenos Aires, tudo bem, há muitas atrações que tornam a cidade um prato cheio para os turistas.

E não estamos falando apenas do roteiro mais conhecido. Claro que A Casa Rosada, Caminito, Puerto Madero, Plaza de Mayo e os espetáculos de tango, jardins e o famoso Cemitério da Recoleta são atrações encantadoras. Neste post, apresentaremos outras opções de passeios na capital argentina ainda pouco exploradas. A ideia é que você tenha mais opções de lazer durante um tour por Buenos Aires, aproveitando ao máximo a cidade dos hermanos!

Arte urbana

Fonte: Buenos Aires Street Art

Você sabia que Buenos Aires tem uma Lei especifica para facilitar as autorizações para intervenções artísticas? A Ley de Muralismo, de 2009, possibilitou que as fachadas da cidade ganhassem cores e contornos diferentes. O que valoriza áreas urbanas antes pouco atrativas. Você pode comparar ao famoso Beco do Batman, em São Paulo. Aqui, os grafites diversificam os muros de vários bairros da capital porteña. Bairros como Palermo, La Boca, Villa Crespo, Montserrat e Colegiales contam com pinturas enormes em seus muros. Há, inclusive, um passeio guiado com guias em espanhol e inglês para conhecer os principais murais. Acesse o site Buenos Aires Street Art e saiba mais sobre o passeio.

El Zanjón

Fonte: El Zanjón

Um dos lugares mais interessante e pouco conhecido até pelos locais é o El Zanjón. Um casarão situado no coração de San Telmo. Por fora, um portão de ferro com uma fachada austera não contribuem para atrair a atenção. Por dentro, a mansão com mais de 20 quartos, construída em 1830, conta séculos da história Argentina. A história é até engraçada. Na década de 80, um empresário comprou o casarão para transformá-lo em restaurante. A ideia era dar um outro ar ao, na época, decadente bairro de San Telmo. No meio da reforma, eis que o piso cedeu e todos viram que não se tratava de uma casa qualquer. Dezenas de túneis, galerias, salões, escadas, corredores e objetos de época viram a luz do sol. O empresário resolveu continuar a obra, que demorou 20 anos para ser concluída. Hoje, o El Zanjón é um museu belíssimo que oferece uma perspectiva subterrânea da história porteña.

Visite um centro cultural

Fonte: Ciudad Cultural Konex

A proposta é nova pelas bandas do Brasil, mas em Buenos Aires cada bairro conta com um centro cultural. Trata-se de complexos com ampla agenda de eventos para o público da região, logo o espaço é mais intimista. Exposições de arte, shows, peças, saraus e espaços de convivência para reunir a comunidade. O Ciudad Cultural Konex, mesmo fora do circuito da Avenida Corrientes (mais conhecido), é um dos mais influentes de Buenos Aires. Moda, design, exposições fotográficas, circo, cinema, oficinas, ciclos de filosofia e história são algumas das atrações do local. Além das festas, claro. La Bomba de Tiempo é uma das atrações mais conhecidas da casa. Todas as segundas, há mais de 10 anos, o grupo de percussão se apresenta com o ritmo pulsante dos tambores.

Visite Buenos Aires com a Conextravel! Temos um pacote com condições especiais para você desfrutar de toda a energia da capital porteña por 4 noites a apenas R$ 1.500! Com saídas garantidas para 16 de maio!

Converse com nossos consultores e reserve agora o seu lugar!

Leave a Reply